cantiga ao deputado ladrão

Cantiga ao deputado ladrão
sujeita ao mote

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

Vendo-se na Assembleia o deputado Rodrigues
a braços com perguntas desagradáveis
logo viu nelas desrespeito e agravo
e dizendo a essas não respondo minha honra lavo

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

Volveram nas questões os jornalistas amáveis
por tão pouca coisa ditos irresponsáveis
que não: «Insuportável violência psicológica»
assinalou Rodrigues com especiosa retórica

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

E foi-se dali tresloucado Rodrigues deputado
enchendo os bolsos em acção dita directa
sem cuidar no caldo da liberdade de imprensa entornado
irreflectido na atitude ladra e pateta

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

Perseguido e injuriado foi-se Rodrigues queixar ao tribunal
e anda de tal modo o mundo de justiças invertido
que é bem provável que ninguém lhe leve a mal
o roubo que não fosse de censor até seria divertido

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

Foi isto havido no Portugal de todas as democracias
que mais parece pátria de czares
senhores jornalistas que maldade causais azias
a um pobre deputado vítima na vida de azares

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

Para o triste caso desditoso fim não é difícil aventar
mais calados que um morto vão o diap e a erc ficar
são desordens na moda neste nosso Portugal
em que todos roubam mas só aos políticos não fica mal

Logo Rodrigues perdido e cego deitou a mão
palmando lesto os equipamentos de gravação

~ por pedroteixeiraneves em Maio 6, 2010.

Uma resposta to “cantiga ao deputado ladrão”

  1. É isso mesmo Pedro.O homem ainda vai ser louvado por conseguir provas tão evidentes do crime q os jornalistas estavam a cometer.Só foi pena o bolso das calças não estar furado. Pf mandem-no p as Desertas, pois nem os Açores o querem.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: