shot story

Um segundo depois da decisão fatal, não mais. A stoper saltou também e apanhou o suicida em pleno salto para a morte. No instante da queda conjunta, por um breve lapso os seus olhares cruzaram-se. Ele reconhecendo-lhe um impulso vital, ela reconhecendo-lhe uma pulsão mortal. Ele, viveria. Ela, morreria. Vida e morte nem sempre se conjugam logicamente. Ela cumprira o seu papel, ele riscava agora outros planos.

~ por pedroteixeiraneves em Março 28, 2012.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

 
%d bloggers like this: